E dá-lhe Ureia!

Até mesmo Cleópatra, famosa pelo costume de se banhar com leite de cabra, se espantaria com a rápida evolução dos ativos cosméticos que prometem oferecer maciez e jovialidade à pele. Naquela época as proteínas do leite de cabra eram, possivelmente, uma das poucas alternativas para hidratação da pele. Sem duvida, Cleópatra se renderia à praticidade de aplicação e às grandes vantagens da utilização dos hidratantes à base de ureia.

Busto de Cleopatra.
Foto: Divulgação Museu de Berlim.

A ureia está entre os ativos cosméticos que permitem a hidratação efetiva da pele, ou seja, ela é uma substância umectante. Isto quer dizer que é capaz de adsorver e reter a água no tecido epidérmico. Ela é constituinte do Natural Mosturizing Factor (NMF), ou fator natural de hidratação, na concentração de 7%. O NMF é definido por compostos solúveis em água, encontrados no estrato córneo, responsáveis por prevenir ou reduzir rachaduras e descamação na pele. Estes compostos são capazes de absorver a água ambiente e combiná-la com a água já existente no tecido, permitindo a hidratação de camadas mais externas da epiderme. Além da ureia, são constituintes do NMF aminoácidos (40%), ácido pirrolidonacarboxílico (12%), lactato (12%), íons (18,5%), açúcares – como glicerol (8,5%), e outros compostos em menor concentração. Para saber mais sobre o NMF, clique aqui (site em inglês).

A ureia tem grande facilidade de permeação a partir de cremes ou loções. Pelo fato de possuir efeito osmótico, difunde-se nas camadas mais externas do estrato córneo e é capaz de romper depósitos de hidrogênio, expondo os locais das ligações de água nos corneócitos.

Entre suas ações específicas estão:

  • Comprovado efeito hidratante por ser altamente higroscópica, permitindo grande absorção e retenção de água pelas células epidérmicas;
  • Efeito queratolítico em altas concentrações, devido à sua capacidade de interação com os corneócitos epidérmicos;
  • Atividade regenerativa protetora (barreira epidérmica), quando utilizada com regularidade, contra agressores que promoveriam o ressecamento da pele;
  • Ação calmante sobre irritações, baseada em seu efeito anestésico local;
  • Acelera a permeação de outras substâncias, por promover a descamação no local de aplicação pela dissolução da substância de adesão intercelular entre os corneócitos, permitindo o carreamento de outros ativos.No Brasil, a ANVISA preconiza a concentração de 10% deste ativo como a máxima permitida para uso cosmético. Seu efeito queratolítico se evidencia a partir da concentração de 20% e concentrações ainda maiores são utilizadas no tratamento dermatológico de queratoses escuras, acne conglobata e em unhas doentes, sob prescrição médica.

A grande vantagem na utilização de cosméticos contendo ureia não está na hidratação promovida e sim na duração deste efeito. Por ser um ativo constituinte do NMF, o que justifica sua grande afinidade com o tecido epidérmico e sua rápida absorção e penetrabilidade, a ureia consegue adsorver e reter a água na pele por até 6 horas. Após uma única aplicação (veja aqui o estudo), quando na concentração de 10%. É importante frisar que a intensidade e a duração do efeito hidratante possuem correlação direta com a concentração e o veículo utilizado.

Para os formuladores, o pH é de grande importância na estabilidade deste ativo. O pH ideal da formulação deve ser ácido, pois a ureia se decompõe em amônia em pH alcalino. Para formulações com pH acima de 7, a ANVISA exige ainda a comprovação de sua estabilidade química.
Apesar de relatos de queimação e prurido transitórios em pacientes com dermatite atópica tratados com ureia, o ativo é bem tolerado em formulações cosméticas. Sua utilização, portanto, é frequente devido à melhora comprovada de sinais como eritema e prurido, assim como maior hidratação da barreira córnea com o uso continuado.Assim, além de promover a adsorção e a retenção da água, a ureia auxilia na regeneração celular e promove o carreamento de outros ativos no tecido epidérmico, o que agrega ainda mais vantagem a seu uso. Para justificar ainda mais seu uso regular, os produtos podem ser facilmente manipulados em farmácias nas concentrações desejadas e são, também, comercializados por grandes empresas cosméticas e farmacêuticas. Vale a pena pesquisar, pois os preços variam de forma assustadora!

1 Comentário em "E dá-lhe Ureia!"

  1. Amei, bem esclarecedor e muito impor:-) tante para quem esta com a cosmética em foco. RS. Valeu muito!

Comments are closed.